Morashá

Curiosidades


A girafa é um animal que apresenta características que, de acordo com a Torá, fazem dela um animal casher: ela tem casco fendido e rumina. Mas não é uma tradição judaica comer esse belo animal, pois as girafas são raramente encontradas fora da África e ninguém sabe como fazer o abate casher delas.


Em 1945, a Alemanha Oriental negou qualquer tipo de responsabilidade nacional pelo Holocausto e se recusou a oferecer reparações para sobreviventes judeus. Foi apenas em 1990 que a Alemanha Oriental admitiu culpa pelo Holocausto. Já a Alemanha Ocidental, a partir de 1951, concordou em compensar judeus pela perda de posses que eles sofreram durante a Segunda Guerra Mundial.


O nome do filho de Avraham e Sarah, Isaac, deriva da palavra hebraica "yitzhak"’, que significa "ele rirá". Isaac recebeu esse nome porque sua mãe, Sarah, riu quando D’us prometeu que ela teria um filho, apesar de sua idade avançada. O nome Isaac também refletiu a alegria de Abraão por ter um filho com sua esposa Sarah que, até então, não conseguira engravidar.


Os primeiros judeus na América do Norte eram sefaradim. No ano de 1700, havia apenas 300 judeus nos Estados Unidos. A partir do século 18, judeus alemães passaram a imigrar para os Estados Unidos e, apesar de serem ashkenazim, eles se afiliaram às sinagogas sefaraditas.


No primeiro dia de Shavuot ouve-se, em todas as sinagogas, a leitura dos Dez Mandamentos. É da maior importância que os pais participem junto com seus filhos.


CHABAD (Lubavitch), um dos maiores movimentos judaicos, é um acrônimo das palavras “Chochma” (Sabedoria), “Binah”(Compreensão) e “Daat” (Conhecimento). Este acrônimo simboliza a filosofia intelectual do movimento chassídico Chabad-Lubavitch.


Durante os anos de 1840-1880, a população judaica nos Estados Unidos cresceu de 14.000 para 200.000 habitantes. A maioria desses imigrantes judeus originou de países onde se falava alemão; muitos deles haviam sido líderes de revoltas fracassadas na Europa. Esses imigrantes judeus se estabeleceram em diferentes cidades dos Estados Unidos, formando grandes comunidades em Nova Iorque, Cleveland, New Orleans, Albany e Buffalo.


El Al é o nome da companhia de aviação israelense. O nome El Al literalmente significa “para cima”, mas é freqüentemente traduzido como “em direção aos Céus”. A El Al foi fundada no ano de 1948 para transportar para Israel imigrantes judeus do Iraque e do Iêmen. Pouco tempo depois, a companhia já voava para Paris e Roma e, posteriormente, para Nova Iorque.