Morashá

HISTÓRIA JUDAICA MODERNA


Os atletas não foram esquecidos

Os atletas não foram esquecidos

O Estado de Israel e comunidades judaicas de diversas partes do mundo fizeram, nos últimos meses, um pedido justo e oportuno ao Comitê Olímpico Internacional: que na  cerimônia de abertura das Olimpíadas de 2012, que coincidia com o triste 40º aniversário do massacre de onze atletas israelenses nos jogos de Munique, fosse respeitado um minuto de silêncio.

Edição 77 - Agosto de 2012

A saga de um justiceiro

A saga de um justiceiro

Eram duas e quinze de uma ensolarada tarde de primavera em Paris. Naquele dia, 25 de maio de 1926, dois homens se cruzaram na esquina dos Boulevards Racine e Saint-Michel. Um deles aproximou-se do outro e perguntou: “você é Symon Petliura?” – “Sou”, respondeu o outro. Ato contínuo, o primeiro matou-o com cinco disparos. Preso em flagrante, o atirador disse que seu nome era samuel schwarzbard e que ele acabara de vingar a morte de milhares de judeus, vítimas de pogroms na Ucrânia.

Edição 77 - Agosto de 2012

Os Órfãos de Ochberg

Os Órfãos de Ochberg

No ano de 1921, o judeu sul-africano Isaac Ochberg encabeçou uma ousada operação de resgate no leste europeu. Graças à sua coragem e determinação, aliadas ao apoio incondicional dos judeus da África do Sul, 200 órfãos judeus puderam recomeçar a vida nesse país. Esta é a sua história.


Herança judaica em Portugal

Herança judaica em Portugal

Muito já se escreveu sobre a herança de judeus na Península Ibérica. Depois de uma visita a 15 cidades portuguesas, incluindo as sinagogas e museus de Lisboa, Belmonte, Castelo de Vide e tomar, pode-se concluir que a herança judaica foi muito forte e altamente representativa.

Edição 74 - Dezembro de 2011

Rasputin e seu secretário, o judeu Simanovitch

Rasputin e seu secretário, o judeu Simanovitch

Na Rússia, o mau tratamento aos judeus era sistêmico, já que à implacável hostilidade dos czares somava-se um endêmico anti-semitismo. Simanovitch, judeu russo, foi secretário de Rasputin, homem forte da Rússia no final do período czarista. E, nessa posição, muito ajudou aos judeus.

Edição 70 - Dezembro de 2010

As escolas da Alliance Israélite Universelle

As escolas da Alliance Israélite Universelle

Apesar de seu importante papel no cenário político-diplomático, o nome da Alliance Israélite Universelle ficou para sempre associado às escolas que, em seus 150 anos de existência, formaram cerca de um milhão de jovens judeus.

Edição 70 - Dezembro de 2010